RECEBIMENTO DO

RECEBIMENTO DO " CORONAVOUCHER "

06/04/2020
Alberto Reis


Aprovado pelo senado e publicado no Diário Oficial , o auxílio emergencial definido pelo Governo Federal para auxiliar brasileiros durante a pandemia de coronavírus (COVID-19) ainda gera certo questionamento e curiosidade quanto ao seu pagamento e disponibilização.

Uma das mais recentes informações divulgadas nesse sentido foi fornecida pelo ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, que revelou em coletiva que o Governo Federal permitirá o cadastramento de trabalhadores informais por meio de aplicativo que será apresentado na terça-feira, dia 07/04. A estimativa é que entre 15 e 20 milhões de informais entrem na base. 

Além disso, o cadastro para receber o coronavoucher poderá ser feito por telefone, através de uma plataforma online ou em agências. Entretanto, o endereço do site e o número do telefone não foram divulgados até a data . Contudo, é recomendado que os trabalhadores priorizem o uso do telefone e das formas digitais e para se cadastrarem, a fim de evitar aglomerações nas agências físicas.

Vale observar aqui que, ao menos inicialmente, esse aplicativo possivelmente será responsável pelo cadastramento daqueles que não possuem nenhuma forma de cadastro ativa com o governo, ou seja, não estão no Cadastro Único (já explicamos aqui como verificar), na lista de microempreendedores (MEI) e de contribuintes individuais do INSS.

Um ponto que chama a atençaõ é que segundo as estimativas divulgadas pelo IPEA, aproximadamente 59,2 milhões de brasileiros devem atender os pré-requisitos para receber o auxilio emergencial. No entanto, só 48,3 milhões estão disponíveis no Cadastro Único (CadÚnico).

Ainda segundo o ministro, alguns trabalhadores informais elegíveis para receber o benefício já foram identificados devido ao vinculo com o Cadastro Único, sendo estimado o pagamento da primeira cota muito provavelmente antes da Páscoa, no valor de R$ 600.

Em adição, também foi informado que o pagamento do benfício para integrantes do Bolsa Família está prevista para acontecer no dia 16, devendo o pagamento ocorrer pelo mesmo cartão que hoje recebem o benefício em questão

Valor do CoronaVoucher

O projeto do CoronaVoucher deve ter duração de pagamento de três meses, podendo ser prorrogado até enquanto epidemia durar.

O auxílio emergencial garante aos que se encaixarem nas regras o valor de R$ 600 e de R$ 1.200 para mães responsáveis pelo sustento da família.

✓ Dê uma olhada no novo Calendário Bolsa Família

https://calendariobolsafamilia2020.net/calendario-bolsa-familia-2021/amp/

O CoronaVoucher permite até, no máximo, dois beneficiários por família, totalizando uma renda emergencial de R$1.200. Nos casos das mães responsáveis pelo sustento da família, terão direito a receber duas cotas (como já mencionamos).

Como e onde sacar o benefício?

O CoronaVoucher será pago por bancos públicos federais, como a Caixa Econômica Federal, por exemplo, por meio de uma conta do tipo poupança social digital. A mesma será aberta de forma automática no nome dos beneficiários.

Clientes da Caixa poderá receber os depósitos diretamente nas suas contas bancárias. Os correntistas e poupadores de outros bancos poderão optar por transferir os valores para suas contas sem nenhuma taxa de cobrança de transferência.

Até o momento o Governo não definiu nenhum cronograma para pagamento do auxílio emergencial Mas, de acordo com o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, o calendário terá os mesmos moldes do utilizado para o saque-imediato do FGTS.


Relacionados

COVID-19: EMPRESA vs TRABALHADOR – MPV 936/20

COVID-19: EMPRESA vs TRABALHADOR – MPV 936/20

Recentemente foi publicada a nova medida provisória 936/2020 que se soma às alternativas já trazidas pela MP 927/2020, visando proporcionar às empresas alternativas para enfrentar a grave crise econômica instalada em razão da pandemia da Covid-...

Nova gestão atrai investimentos para Minas Gerais

Nova gestão atrai investimentos para Minas Gerais

A nova gestão de Minas Gerais está atraindo investidores para o Estado. Diversas iniciativas, já em desenvolvimento, fazem com que mais empresas voltem suas atenções para o potencial de Minas....

CORONAVOUCHER SAIBA COMO RECEBER

CORONAVOUCHER SAIBA COMO RECEBER

Quem tem direito ao Coronavoucher?

Coronavoucher é o termo usado para o benefício temporário, oferecido pelo governo federal para trabalhadores informais, micro e pequenas empresas.
Veja como vai acontecer o cadastro e o pagamento do Coronavou...

IMPOSTO SOBRE GRANDES FORTUNAS , O MAL QUE NOS RONDA EM TEMPO DE CRISE.

IMPOSTO SOBRE GRANDES FORTUNAS , O MAL QUE NOS RONDA EM TEMPO DE CRISE.

Sabe quando alguém está doido para que algo aconteça para que uma ideia “Brilhante” prevaleça? Nos momentos de crise, grupos de oportunistas, esquerdistas, social democratas e comunistas, sempre com ideias “brilhantes” tentam resolver tod...

A força do voluntário.

A força do voluntário.

As fortes chuvas em Minas Gerais trouxeram problemas enormes em algumas regiões como vimos nas últimas semanas. Alagamentos deixando córregos como rios com correntezas capazes de levar embora carros, casas e o sonho de várias famílias.

...

Capitalismo “Malvadão”!

Capitalismo “Malvadão”!

Este é um bom momento para discutir o Capitalismo “Malvadão”. O medo do Coronavírus faz os mercados desabarem, as bolsas em todo o mundo estão em queda e a quarentena imposta por alguns governantes faz a busca por produtos de primeira necessi...

ENVIO DE CARTÃO DE CREDITO SEM AUTORIZAÇÃO PODE GERAR INDENIZAÇÕES

ENVIO DE CARTÃO DE CREDITO SEM AUTORIZAÇÃO PODE GERAR INDENIZAÇÕES

Gostaria de começar a minha participação neste respeitável espaço, com uma dica aos consumidores de serviços financeiros e de crédito, curta, porém muito útil.


...

Atualize-se Já!

Atualize-se Já!

Atualize-se Já!

Na semana passada o Breno Perrucho criador do canal Jovens de Negócio publicou essa imagem em seu instagram e durante a semana refleti muito sobre o que ela representa.

...